Implantação

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa


Temos que considerar a Pastoral do Dízimo como uma proposta educativa, considerando as razões pelas quais as pessoas devem contribuir. Isto se dá quando é feito, e bem feito, o trabalho de conscientização na razão de ser do dízimo, suas origens, história, conseqüências através dos tempos e íntima ligação com Deus Criador de todas as coisas. Jamais a motivação devem ser as necessidades da Paróquia, as despesas a pagar.  A motivação deve ser sempre a íntima ligação com Deus, pertença a Deus de tudo, de nós mesmos, a alegria de participar na construção do Reino de Deus com um pouco de tudo que Deus tem nos dado.Uma Paróquia que apresenta uma dívida a pagar como motivação para maior contribuição dos fiéis, transmite um aspecto negativo de má administração. Ao invés de motivar, desmotiva e dá asas a más interpretações.