Setor Universidades da CNBB lança site para interação entre os Universitários Cristãos

O Setor Universidades, que faz parte da Comissão Episcopal Pastoral para a Cultura e Educação, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), está lançando o seu site. Trata-se do www.universitarioscristaos.com.br, que tem como finalidade interagir com a juventude cristã que faz parte do âmbito universitário. Segundo o Setor Universidades, o site foi inteiramente pensado e executado por jovens, voluntários do Setor, e aprovado pela assessoria e coordenação do Setor e pela presidência da Comissão Episcopal. “Este site é uma conquista da própria juventude universitária que encontrou neste meio com a intenção de aproximar, partilhar e socializar as experiências de Pastoral vividas em diferentes partes do Brasil e de países de América Latina”, destacou a assessora do Setor Universidades, irmã Maria Eugênia Lloris Aguado. O site é um espaço de interação, formação e comunicação. São disponibilizadas notícias, atividades, materiais e ações realizadas em todas as regiões do Brasil. Nele, a Pastoral Universitária apresentará as diferentes experiências com três eixos comuns ou dimensões: espiritualidade, formação/reflexão e dimensão solidária ou sócio-educacional. “O projeto ‘Universitários Cristãos’ quer nos aproximar e contribuir para manter a identidade do Setor como um espaço aberto de diálogo e interação entre todos os que estão imersos neste ambiente universitário, com uma proposta comum a todos: A Pastoral Universitária. Sermos presença evangelizadora da Igreja no âmbito universitário é o nosso desafio”, completou Eugênia. Para que este site possa cumprir com a finalidade em que foi criado o Setor Universidades conta com o apoio dos voluntários em vários estados. Os interessados em contribuir podem entrar em contato com o Setor Universidades, no e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. . “Mandem as suas noticias, materiais de divulgação, e experiências bem sucedidas para que aqueles que desejam iniciar, organizar ou aprofundar na experiência possam encontrar subsídios adequados. Mandem ainda suas perguntas, questionamentos que nos ajudarão a formatar subsídios na busca de uma evangelização mais fecunda e eficaz”, finalizou a assessora da CNBB.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

0
0
0
s2smodern
powered by social2s